• Ceclin
jun 13, 2018 0 Comentário


Acusado de arrombar lojas e igrejas é preso em Vitória de Santo Antão

Os itens apreendidos foram levados para a Delegacia Foto: Divulgação/PMPE

Os itens apreendidos foram levados para a Delegacia de Vitória. Fotos: Divulgação/PMPE

Um homem foi preso e um adolescente, apreendido, em Vitória de Santo Antão, na Mata Sul de Pernambuco, após policiais militares receberem informações sobre um suspeito que estava vendendo produtos furtados no Centro da cidade na tarde dessa terça-feira (12/6).

Segundo a Polícia Militar (PM), Paulo Roberto Francisco de Lira, de 33 anos, estava na feira do troca oferecendo produtos furtados de uma sapataria do Centro de Vitória de Santo Antão, por valor muito baixo às pessoas que transitavam no local. Durante abordagem policial, os agentes constataram que o suspeito já havia vendido os produtos furtados, mas foi localizado, com ele, um adaptador wi-fi pertencente a Secretaria de Saúde de Vitória.

O homem confessou ter realizado outros furtos em igrejas (Congregacional, Adventista e Batista), salão de beleza e estabelecimentos comerciais da cidade, e que havia vendido parte dos produtos a outra pessoa, Aldemir José dos Santos, de 30 anos, conhecido por “Mi”. De acordo com a PM, o homem foi identificado como autor de diversos arrombamentos ocorridos em Vitória de Santo Antão, constatados através de várias gravações de câmeras de segurança que circulavam pelas redes sociais e noticiários da cidade.

Suspeito vendia os produtos furtados na feira do troca, no Centro de Vitória. Adolescente foi apreendido portando um revólver na residência do suspeito

Paulo Roberto vendia os produtos furtados na feira do troca, no Centro de Vitória. Adolescente foi apreendido portando um revólver na residência do suspeito

Envolvidos
Dessa forma, os policiais resolveram investigar a residência do Mi, onde foram apreendidos 10 pares de sapatos, duas TVs LCD e dois notebooks, todos furtados. Além disso, foi encontrado um revólver calibre 32. Um adolescente, que estava na residência, revelou ser dono da arma após ser interrogado, que o mesmo é sobrinho do suspeito e que reside na mesma casa.

Após consulta à Polícia Civil, foi constatado que os dois apreendidos estavam com mandado de prisão em aberto, tendo o acusado Paulo um mandado por furto, e o Ademir um mandado por tráfico de entorpecentes.

A dupla, junto com os itens apreendidos, foram levados para a Delegacia de Vitória de Santo Antão para que as medidas cabíveis fossem tomadas. Os maiores de idade foram encaminhados ao sistema prisional.