Ceclin
nov 27, 2013 0 Comentário


Ação Popular será movida contra a Prefeitura de Vitória por derrubar árvores das praças públicas

Elias Lira, José Barbosa, Manoel Jorge, Paulo Roberto e Joaquim Lira realizam o maior massacre ambiental já visto nos últimos anos em Vitória de Santo Antão. Derrubaram todas as árvores da Praça Leão Coroado – no Centro da Vitória, em razão de uma reforma que custará aos cofres públicos o valor de R$ 359.639,98. Não durou muito o nosso elogio ao governo em ter deixado pelo menos cinco árvores nesta praça, quando decidiram derrubar para reforma no último domingo (Leia AQUI).

Para a surpresa e a revolta de todos que presenciaram na noite dessa terça a derrubada das árvores, só resta dizer que o governo administrado pelo 1º Ministro Joaquim Elias ‘Romero’ tem horror a árvore e se mostra contrário aos preceitos da sustentabilidade ambiental. Depois de entrarem para a história como o governo que terminou de acabar com o Monte das Tabocas e privatizadores de praças públicas; o prefeito, seu filho e os secretários citados sabem que este será o seu último mandato na Terra das Tabocas e agirão até lá governando de costas para o povo.

Posts relacionados:

Prefeitura de Vitória oficializa privatização da Pracinha Santo Ivo

Prefeitura de Vitória “fecha os olhos” para privatização da Pracinha Sto. Ivo

Determinados em reagir, lideranças partidárias, professores, universitários, donas de casa e blogueiros decidiram apoiar uma Ação Civil Pública com medida cautelar contra a Prefeitura da Vitória de Santo Antão. A peça judiciária está sendo elaborada pelos advogados Aristides Félix Júnior e Jairo Medeiros.

No mínimo a Prefeitura deveria tornar público laudos técnicos com relação a todas as árvores derrubadas e solicitar uma vistoria dos órgãos governamentais que tratam deste setor. Deveria, além disso, ouvir a população através de audiências para discutir os novos formatos dos espaços públicos. É esperar demais de um governo que sempre geriu as coisas públicas como se deles fosse.

A atitude gerou revolta nas redes sociais. O sentimento de indignação é grande e certamente Elias Lira terá problemas para lançar o seu filho como deputado estadual em 2014.

PRACINHA DA MANGUEIRA: Na sua opinião esta praça valeu R$ 72 mil ??

O Governo liderado pelo 1º Ministro derrubou as árvores da Praça da Matriz em 2010 prometendo repor com 12 árvores semi adultas. Elas foram compradas dentro do pacote de licitação da Praça e até hoje ninguém as viu. A Praça Matriz de Santo Antão é a única praça no mundo que não se pode ficar à luz do dia. Este modelo repetiu-se na pracinha da Mangueira e agora na Leão Coroado. Mas não para por aí, a Prefeitura de Vitória já anunciou que derrubará as árvores das Praças do Livramento em breve.

Para evitar a derrubada das árvores, além da Ação Civil Pública, também circula um Abaixo Assinado contra esta arbitrariedade. Quem quiser ajudar a recolher mais assinaturas estou disponibilizando por este Blog este abaixo assinado que pode ser solicitado através de nosso email: [email protected] 

Este abaixo assinado pode ser solicitado através de nosso email [email protected]