Ceclin
ago 05, 2010 2 Comentários


"A inveja tem rodeado esses ataques", diz Paulo Roberto

Na quarta-feira (04) o Programa A VOZ DA VITÓRIA, transmitido nas manhãs de segunda à sexta pela Rádio Tabocas FM (98,5) em Vitória de Santo Antão, teve a participação do Secretário de Cultura, Turismo e Esportes da Prefeitura da Vitória, e Presidente do Vitória, Dr. Paulo Roberto Leite de Arruda, em entrevista com o apresentador Lissandro Nascimento.

Otimista, Paulo Roberto agradeceu a todos pelo incentivo dado as mulheres que hoje representam o time feminino do Vitória, onde no último domingo dia 1° de agosto, conseguiram o título de Campeão Pernambucano de Futebol Feminino, sendo a primeira equipe do interior do Estado a chegar ao pódio e se classificar para disputar a Copa do Brasil.

“Hoje nossa equipe irá disputar uma competição a nível nacional, com 32 equipes de todo o Brasil, onde todos os Estados estarão participando e Vitória de Santo Antão representará Pernambuco. A Copa do Brasil começa dia 26 e ainda esta semana, estaremos recebendo a tabela dos jogos para podermos trabalhar em cima de nosso objetivo, e contando com o apoio de nossa fiel torcida, para brilharmos mais uma vez nas rádios e redes de TV’s, sendo destaque nos principais jornais do Estado,” falou ao vivo.

Para o apresentador Lissandro Nascimento, a representação da equipe feminina do Vitória está dando muito orgulho e prestígio a cidade. Prova disso é que no dia 03, muita gente saiu às ruas para festejar com as atuais campeãs pernambucanas nas principais ruas da cidade.
“Em primeiro lugar foi uma surpresa, as pessoas puderam ver que os vitorienses fazem o seu melhor em tudo, que chegam de forma organizada, coerente e participativa, de uma forma que venha trazer para nossa cidade algo de melhor”, destacou Paulo Roberto.

Outro assunto abordado, foi quanto a questão de que o mesmo tem sido alvo de notícias negativas de alguns meios de comunicação de Vitória.
“Alguns invejosos estão querendo transformar minha imagem num grande fato negativo, são pessoas que sofrem de uma doença chamada inveja, pois tudo que faço é pelo bem de nossa cidade e ao bem do povo. Foi aqui que nasci com toda minha família, no meio de amigos, pois é aqui que tenho que fazer minha história, nunca utilizei algum meio de comunicação para tentar rebater quaisquer acusação, ou de denegrir a imagem de alguém, nesse momento me encontro numa situação melhor, então me sinto na obrigação de ajudar o povo, dando oportunidade a muitas pessoas. Venho ultimamente sendo execrado por muita gente de má fé, são pessoas que não tem a capacidade de lutar pelos seus ideais, pois seriedade se adquire com muita luta, garra e compromisso, seja na educação, no esporte ou onde quer que esteja,” ressaltou.

Continuando defendeu-se: “No feriado ocorreu o ato cívico na Praça do Anjo e foi bastante elogiado nossa intervenção, pois a cada ano se renova, e naquele momento estávamos reverenciando os nossos heróis. Hoje, numa luta muito forte, já que no momento estamos recebendo muitas indústrias e empreendimentos em nossa cidade. Existem pessoas que fazem conceito errado a respeito do nosso Município, como vocês podem ver, Olinda irá receber o título de capital brasileira todo dia 27 de janeiro, por quê? Pela expulsão dos holandeses. Isto era para ser um prêmio para Vitória de Santo Antão, enquanto existem pessoas prontificadas a denegrir a imagem de alguns e não procuram lutar pelos interesses de nossa cidade. Durante todo dia dessa terça, nas comemorações, existiram pessoas, me provocando o dia inteiro, fazendo gracinhas e piadas, mas fica claro e provado que nosso trabalho merece o respeito de todos,” rebateu.

Sabendo que Vitória de Santo Antão vive um momento de política intensa, alguns veículos de comunicação do Município fazem acusações sem dar o direito de resposta. Foi ressaltado na entrevista a amizade de Paulo Roberto com o vice governador do Estado João Lyra Neto (PDT), estando também este apoiando o Governador Eduardo Campos (PSB), o apresentador Lissandro Nascimento perguntou ao entrevistado se esses ataques se tratavam de revanchismo.
“As pessoas de nossa terra sabem de perto que o que estamos fazendo atualmente, principalmente no esporte, na educação e na cultura do Município da Vitória de Santo Antão, pois estas pessoas estão denegrindo nossa imagem com a forma do medo, ou para que as pessoas não possam representar bem nossa cidade; tenho a certeza que as pessoas irão nos ajudar, pois isto são fatos negativos criados na cabeça dessas pessoas que nem sequer tem cabeça equilibrada e se ressentem em renovar, pois a capacidade é muito pouca,” rebateu.

Completando: “Vitória de Santo Antão nesse momento começa um processo de renovação, com o resgate cultural e de antigas tradições retomadas, com destaques esportivos, precisando renovar nas atitudes. Precisamos renovar também na nossa política, quando se quer fazer algo de melhor para o seu povo, a boa escolha é fundamental”.

por Emerson Lima,

equipe de Produção.