• Ceclin
mar 23, 2017 0 Comentário


A Ásia pode ser a solução para o problema de excesso de peso do Brasil

excesso peso

Pixabay

O mundo inteiro tem problemas referentes à alimentação de sua população, seja pela escassez ou pelo excesso de consumo, assunto que já abordado por este Blog bem AQUI. O Brasil conseguiu sair do mapa da fome da ONU, e atualmente seu maior problema é a obesidade da população.

Ao analisar os últimos estudos, os quais indicam que cerca de 17% de brasileiros são obesos, pode-se concluir que há muitos erros na política pública em relação a este fato. Além do fator principal, ou seja, os excessos praticados, come-se errado, não há um controle educacional que oriente as crianças, desde cedo, sobre qual a melhor maneira de se consumir os alimentos.

No Japão, por exemplo, os estudantes aprendem cedo a composição dos principais vegetais, legumes e verduras comuns no cardápio das escolas. Aprendem qual a melhor maneira de consumi-los, sua composição nutricional, a quantidade certa para cada indivíduo, e etc.

Eles costumam consumir muito mais as carnes magras – aves e peixes – do que a vermelha, sempre de um jeito mais saudável. Cozida a vapor, grelhadas ou até mesmo cruas, ajuda a controlar, ou até reduzir, o colesterol dos nipônicos. Já no Brasil, a preferência é pelas carnes vermelhas, e na maioria das vezes com excesso de sal.

As frituras – que também existem no Japão – são muito disseminadas no Brasil. A quantidade de óleo consumido ao mês por aqui é bem maior do que a média mundial. Frituras ressaltam os piores elementos nutricionais, além de poderem ser cancerígenas, segundo inúmeras pesquisas médicas.

A imigração japonesa introduziu diversos elementos da cultura do país aqui no Brasil e uma das mais visíveis foi a maneira peculiar de consumir os alimentos. Além disso, restaurantes se espalharam pelo país e todos agora comem sushis e sashimis sem restrições.

Os deliveries apresentaram um aumento de quase 50% nos pedidos ao serem acessados via aplicativos. PedidosJá, por exemplo, tem como um de seus carros chefe a culinária japonesa, com inúmeras opções de pratos. Esta proximidade pode ser extremamente benéfica. Trocar uma pizza por um sushi pode te salvar de um ataque cardíaco!