• Ceclin
out 31, 2018 0 Comentário


17ª Delegacia de Homicídios de Vitória prende três homens nesta quarta-feira (31)

Os três imputados (Edmilson/Damião/Rodolfo) seguiram para o Presídio da Vitória de Santo Antão. Foto: Divulgação/Polícia Civil

Os três imputados (Edmilson/Damião/Rodolfo) seguiram para o Presídio da Vitória de Santo Antão. Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Efetivos da 17ª Delegacia de Homicídios da Vitória de Santo Antão, sob a coordenação da Delegada Estefânia Azevedo, cumpriram três mandados de prisão expedidos pela 1ª Vara Criminal da cidade durante esta quarta-feira (31/10).

Acusado de homicídio, Edmilson Araújo de Lima, apelidado de “Barruada”, teve a prisão preventiva decretada devido ao inquérito investigativo atestar seu envolvimento na morte de Antônio Ferreira de Oliveira Gomes, conhecido por “Neném Mototaxista” de 46 anos, executado no último dia 15 de maio, na Praça 13 de Maio, situada na Feira Livre do Centro de Vitória. O crime foi registrado por câmeras de segurança quando o seu comparsa, Damião Francisco de Lima (o Gago), atirou duas vezes na cabeça do mototaxista que estava de costas. Reveja AQUI.

Outra prisão efetuada foi de Damião Barbosa da Silva acusado de assassinato ocorrido no último mês de agosto, no Bairro de Água Branca, em Vitória, quando executou Severino Gomes da Silva. Os detalhes desse homicídio não foram adiantados pela Civil a imprensa.

A terceira prisão efetuada nesta quarta-feira envolveu um crime de latrocínio. José Rodolfo Pereira da Silva foi autor do assalto seguido de morte que vitimou Roberto José Isidoro Júnior (Bilu, de 24 anos). A vítima foi morta a facadas no dia 13 de janeiro deste ano, no Bairro Jardim Ipiranga, em Vitória. Rodolfo roubou a motocicleta e concretizou o crime (Detalhes AQUI). O imputado ainda é acusado de praticar outra execução que vitimou a transexual conhecida por WiIka (Welson Wlisses dos Santos, de 40 anos), assassinada a facadas em 26 de março de 2017. Relembre esse crime AQUI.

Os três imputados seguiram para o Presídio da Vitória de Santo Antão, onde aguardarão pronunciamento do Poder Judiciário.