• Ceclin
out 23, 2017 0 Comentário


TRE-PE mantém mandato de vereadora em Amaraji

Vereadora Glória Gouveia (PSB)Um ano após a denúncia que acusava a Vereadora Glória Gouveia (PSB), de abuso de poder econômico e político durante processo eleitoral ocorrido no Município de Amaraji, na Mata Sul, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) julgou improcedente a denúncia deferindo parecer mantendo a vereadora que cumpre seu terceiro mandato na Câmara Municipal.

Entenda – Durante as eleições de 2016, a Coligação Todos Juntos por um Amaraji Melhor ingressou na Justiça com ação de abuso de poder econômico e político contra Jânio Gouveia, Juninho Gouveia, Edson Gersino, Glória Gouveia e Wagner de Demarcação. O Juiz eleitoral local em julgamento feito em menos de vinte e quatro horas, julgou procedente a ação, cassando o registro dos cinco citados e declarando todos esses inelegíveis por oito anos, além de aplicar multa ao ex-prefeito Jânio e o atual vereador Wagner. Em apelação, o TRE anulou as cassações e inelegibilidades, porém, manteve as multas.

Coligação Todos Juntos por um Amaraji Melhor apresentou embargo em razão de falha processual de publicação e o julgamento foi anulado, sendo determinado novo julgamento. Nesta segunda-feira (23/10) foi efetuado o novo julgamento e o TRE deu provimento total as apelações, sendo inclusive excluídas as multas. Com isso, ficam mantidos os mandatos de Glória Gouveia e Wagner de Demarcação e declaradas as elegibilidade de Jânio Gouveia, Juninho Gouveia e Edson Gersino. A decisão ainda cabe recurso à instâncias superiores, que segundo os autores irão recorrer da decisão junto ao TSE, em Brasília.

com informações do Amaraji Notícias