Arquivos da Tag: SINTEPE

SINTEPE – Voto consciente

A CNTE e o SINTEPE chamam a atenção para as bandeiras de luta em defesa e promoção da educação pública, do emprego e da renda dos/as trabalhadores, da igualdade social, racial e de gênero, além do respeito às diversidades de credo e de orientação sexual e do compromisso com a ética na política, questões essas que devem ser avaliadas na conduta pessoal e nos programas de cada candidato.

Aproveitamos para conclamar a sociedade a votar em uma proposta comprometida com um projeto de qualidade social. Esperamos que o resultado dessa eleição consagre a opção por um país cada vez mais justo e igualitário, o que requer o compromisso dos governantes com a inclusão social, com a valorização da educação pública de qualidade e de seus profissionais, com as reformas política e tributária e com a plena cidadania em nosso país.

AGENDA

Plenária dos Administrativos/as Educacionais.

31/10/2014, 9h, no SINTEPE

Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco – Sintepe

www.sintepe.org.br.  

Deputados destacam Dia do Professor

A deputada Teresa Leitão, do PT, e o deputado Tony Gel, do PMDB, homenagearam, nesta quarta (15), o professor. Teresa parabenizou a classe e destacou o compromisso e a luta da categoria para melhorar a educação. De acordo com a parlamentar, esses profissionais conquistaram o respeito da população e contribuíram para colocar a educação no centro das politicas públicas.

Teresa ainda destacou as principais conquistas dos educadores nos últimos anos. Entre elas, a criação do Piso Salarial Profissional Nacional e o Plano Nacional de Educação (PNE), que estabelece metas para melhoria no setor nos próximos dez anos. A parlamentar ressaltou que as políticas colaboram para valorizar o professor e melhorar os padrões de ensino. Ela acrescentou que a categoria é comprometida com as lutas sociais, inclusão das minorias e um Brasil socialmente justo.

Na opinião de Tony Gel, o País ainda não valoriza os educadores como deveria. O deputado registrou sua gratidão aos professores e ressaltou a importância do profissional para o desenvolvimento da nação. Segundo ele, muitos trabalhadores da área ainda passam por sérias dificuldades para desempenhar o seu papel, por isso é importante que a população valorize mais a classe. O deputado André Campos, do PSB, também cumprimentou os professores.

Com informações da Assembleia Legislativa de Pernambuco. 

Voluntários promovem a campanha de Dilma Presidenta em Vitória de Santo Antão

O Ponto 13 foi aberto na noite da última sexta-feira (10/10) em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata. Durante uma Plenária Municipal, voluntários de diversos segmentos sociais organizaram um espaço para servir como ponto de apoio da campanha da presidenta Dilma Rousseff (PT) na cidade. Profissionais liberais, funcionários públicos, universitários, comunicadores, professores, sindicalistas, representantes de movimentos sociais, jovens, dirigentes políticos de várias correntes políticas se reuniram e montaram as primeiras atividades de agenda da campanha presidencial.

O Comitê suprapartidário Dilma Presidenta 13 em Vitória fica na Praça 03 de Agosto, Bairro do Livramento, Centro da cidade. O PONTO13 é um local para distribuição de material, também um espaço para conversar sobre as propostas da Dilma. Ou para reunir os amigos e vizinhos para assistirem juntos ao programa eleitoral da Dilma na TV e na internet (dilma.com.br).

Durante este último final de semana, dezenas de voluntários promoveram panfletagens em praças e feiras livres nos principais bairros da cidade. Está sendo agendado para os próximos dias, bate-papos e comícios relâmpagos em diversos pontos estratégicos da área urbana e rural de Vitória. O Comitê envolve também voluntários de outros municípios que organizam atividades em Moreno, Pombos, Escada, Glória do Goitá e Chã Grande.

 

SINTEPE lança livros nesta segunda-feira

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco, promove, nesta segunda-feira (13), a partir das 18h, na Livraria Cultura, no Bairro do Recife, o lançamento do livros “Trabalho na Educação Básica em Pernambuco” e Sindicalismo docente, desafios e perspectivas”. O primeiro, organizado pelas pesquisadoras Dalila Andrade Oliveira e Lívia Fraga Vieira, compila dados da pesquisa de mesmo nome que traçou um perfil da educação básica no estado e a realidade socioeconômica dos funcionários do setor.

Já o segundo, organizado pelas professores Dalila Andrade Oliveira e Savana Diniz Gomes Melo, faz um apanhado da história do sindicalismo docente e das políticas equivocadas de bonificação em países como Brasil, Argentina, Chile, Canadá e Estados Unidos. Os lançamentos fazem parte das homenagens ao Dia do Professor, comemorado no dia 15 de outubro. A pesquisa publicada no livro ” Trabalho na Educação Básica em Pernambuco” foi encomendada pelo Sintepe junto ao Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho Docente da Universidade Federal de Minas Gerais – Gestrado / UFMG.

Entre os anos de 2012 e 2013, pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais, ouviram 1.591 trabalhadores em educação de Pernambuco, entre professores e funcionários de escolas com o objetivo de traçar um perfil socioeconômico dos funcionários da educação pública no estado. Já o livro ” Sindicalismo docente, desafios e perspectivas” é fruto da necessidade dos pesquisadores em explicar as políticas educacionais de várias partes do mundo. Para tanto, foram feitos interlocuções com pesquisadores da Argentina, Chile, Estados Unidos, Canadá, e de vários estados do Brasil. O livro compila um pouco da história dos movimentos sindicais docentes nesse países e como as políticas educacionais são entendidas pelos trabalhadores em educação dessas localidades.

Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Pernambuco – SINTEPE

Em Vitória, cidadãos se unem para montar o Comitê Pró Dilma Presidenta 13

Uma ideia que foi sucesso na campanha de reeleição de Lula, em 2006, está de volta: organizar um espaço ou uma casa como um ponto de apoio da campanha da Dilma. Em Vitória de Santo Antão dezenas de cidadãos já se organizam e estão discutindo a formação de um Comitê pró-Dilma Roussef (PT).

Profissionais liberais, funcionários públicos, universitários, blogueiros, jovens, vereadores e dirigentes políticos de várias correntes políticas se reúnem nesta sexta-feira (10/10), às 20 horas, para a abertura do Comitê suprapartidário Dilma Presidenta em Vitória. A Plenária Municipal será no Comitê Ponto 13 situado na Praça 03 de Agosto, Bairro do Livramento, Centro da cidade. A reunião será aberta para qualquer pessoa que queira participar e ajudar.

O PONTO13 será além de um local para distribuição de material, também um espaço para conversar sobre as propostas da Dilma. Ou para reunir os amigos e vizinhos para assistirem juntos ao programa eleitoral da Dilma na TV e na internet (dilma.com.br).

 

 

SINTEPE apoia mês internacional de combate ao câncer de mama

Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco – Sintepe

www.sintepe.org.br.  

SINTEPE – Exemplos

Em 1948, Abelardo da Hora criou a Sociedade de Arte Moderna do Recife com intuito de levar a arte para diversas camadas sociais, além de já utilizar o espaço para trabalhar com a educação de jovens e adultos. Amigo de Paulo Feire, o artista plástico Abelardo transformou, ou melhor, imortalizou em 2013, o educador em uma escultura de bronze de tamanho real, na UFPE.

Os dois foram companheiros no Movimento Cultural Popular (MCP) e foi nele que começou a se desenhar o método libertador do educador.  A contribuição tanto de um, no campo das artes plásticas, como de outro, no campo educacional, será levada às novas gerações como exemplos a serem vistos e seguidos. Como costumamos dizer no movimento sindical, Paulo Feire, presente e Abelardo da Hora, presente!

Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco – SINTEPE

www.sintepe.org.br

Agenda do SINTEPE

Vitória de Santo Antão realizou recentemente sua Plenária Regional para eleger a Comissão Eleitoral do Sintepe Regional. Foto: Divulgação

  • Assembleia Geral do Sintepedia 23 de setembro, às 9h, no auditório do Sintepe – Recife. Pauta: Aprovação do Regimento Eleitoral das Eleições do Sintepe. OBS.: O sócio no ato do credenciamento deverá apresentar documento com foto.
  • 08 anos da Lei Maria da Penhadia 25 de setembro, às 14h, no auditório do Sintepe – Recife. “O que mudou? Antes quem batia em mulher era covarde. Agora, é criminoso“. Inscrições até o dia 24 de outubro pelos telefones: 81.2127.8852 / 8872.8876.
  • Plenária dos Administrativosdia 25 de setembro, às 9h, no auditório do Sintepe – Recife. Pauta: Informes, reformulação do PCC, 207, Aposentadoria, Curso Superior e Profuncionário.
Você no Sindicato é muito mais forte!
Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Pernambuco – SINTEPE

Armando defende aumento de 20% no salário do professor já no primeiro ano de governo

O candidato ao governo do Estado Armando Monteiro (PTB) participou, no início da tarde de desta terça-feira (16), de uma entrevista no NE TV, da Rede Globo Nordeste, nos estúdios da emissora, em Ouro Preto, em Olinda. Entre as propostas que apresentou, Armando defendeu a valorização do magistério como forma de elevar o nível da educação básica em Pernambuco. O petebista se comprometeu a melhorar o salário dos professores da rede estadual de ensino em 20% já no seu primeiro ano de governo, promovendo um aumento real, acima da inflação.

“Nós precisamos cuidar melhor de quem cuida dos nossos filhos. Estados mais pobres do Nordeste remuneram melhor os professores do que Pernambuco”, afirmou Armando. “Não dá para dissociar escola, professor e família. Precisamos cuidar do ensino fundamental em sua base, dando suporte técnico-pedagógico aos municípios”, ressaltou.

Na área de segurança, Armando destacou os avanços obtidos pelo Pacto pela Vida, mas salientou que os índices de homicídio, principal alvo da política do governo do Estado para o setor, voltaram a crescer. Além disso, prossegue o candidato, outros crimes, como explosões de caixas eletrônicos, sequestros e estupros, não foram atacados pela Secretaria de Defesa Social. “O Pacto precisa ser repactuado. É necessário um plano de emergência, que inclui a contratação de 5 mil policiais, o preenchimento das vagas de delegado em 60 cidades e a abertura das delegacias nos fins de semana. Há municípios em que a pessoa precisa viajar 50 quilômetros para prestar uma queixa”, exemplificou.

Na área de saúde, o petebista lembrou que apenas construir hospitais não resolve o problema. “Saúde se faz com atenção básica. Quando se fala em hospital, fala-se em doença”, frisou. Para Armando, a solução é chegar aos 100% de cobertura do Programa de Saúde da Família em todo o Estado. “Vamos criar também os Centros de Diagnóstico e Imagem em cada UPA Especialidades do Estado. Assim, diminuiremos o tempo de espera por exames”, prosseguiu.

Armando ainda garantiu a criação de unidades específicas para o tratamento das doenças do coração e câncer. “Também temos uma fila imensa de pernambucanos esperando por uma cirurgia eletiva. Para diminuir a espera, proponho que se crie o terceiro turno para esse tipo de cirurgia”, sugeriu.

com informações da Assessoria

 

Em Vitória, Escola Eudóxia Ferreira promoveu exposição sobre Pernambuco

Na última sexta-feira (12/09), a Escola Estadual Eudóxia de Alcântara Ferreira,  em Vitória de Santo Antão, promoveu o Projeto “Pernambuco imortal, imortal”, envolvendo as turmas de ensino fundamental e médio, enfocando as principais cidades dentre as 19 microregiões que integram o Estado, procurando explorar a sua história e sua culinária, além dos pontos turísticos, principais artistas da terra, seu artesanato, dentre outros.

Dentre os municípios explorados durante a Exposição estiveram Recife, Vitória de Santo Antão, Olinda, Bonito, Serra Talhada, Salgadinho, Passira, Garanhuns, Itamaracá, o arquipelágo de Fernando de Noronha, Arcoverde, entre outros.

 

 

SINTEPE: Avaliação da Educação Básica em Pernambuco

A avaliação tem, em geral, como objetivo possibilitar a elaboração de um diagnóstico que viabilize a construção de propostas das políticas educacionais, que promovam melhorias para a educação de modo geral e também de forma pontual, para aprimorar as boas práticas e solucionar as deficiências identificadas em cada escola e em cada região.

Na prática, avaliação diagnóstica e incentivadora não tem sido adotada pelos sistemas de ensino, que insistem em aplicar métodos antidemocráticos e estritamente meritórios, numa busca desesperada por resultados no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). E essas medidas mais atrapalham do que ajudam no desempenho da educação básica. O Ideb não vê as condições de trabalho, de ensino e de aprendizado que desenvolvem professores e alunos no ambiente escolar, este índice não possibilita a construção de um diagnóstico pedagógico que venha subsidiar e fomentar um trabalho de recuperação de escolas que apresentam problemas. Ele só trata da taxa de aprovação e da aplicação de uma prova de matemática e outra de língua portuguesa, levando o Estado de Pernambuco a contratar professores para dar aulas de reforço destas duas disciplinas, algumas vezes durante as aulas de outras disciplinas, em busca de melhorar os resultados no Ideb.

Outro aspecto destacado nesse contexto são os programas dirigidos a uma minoria, contrariando a garantia constitucional do direito à educação com qualidade social para todos. Das 1.085 escolas da rede estadual, 300 são de tempo semi-integral e integral, 785 não estão contempladas com o programa de escola de tempo integral. Dos 670 mil alunos da rede, 170 mil estão nas escolas de referência, 500 mil estão fora do programa e ainda temos mais de um milhão e cem mil pernambucanos que nunca frequentaram uma escola, 218 mil crianças e jovens de 4 a 17 anos de idade que estão fora da escola e quase dois milhões de pessoas no Estado que só tem de 1 a 4 anos de estudos e são considerados analfabetos funcionais.

Exigimos a aplicação de políticas Educacionais que atendam, sem discriminação, o conjunto da população Pernambucana.

Agenda

Ato político pedagógico cultural Paulo Freire

Dia: 16 de setembro, às 15h, no Lago do Cavouco, UFPE.

Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco – Sintepe

www.sintepe.org.br.  

Em Gravatá, Luciana participa de congresso dos professores do Jaboatão

Luciana Santos: Nós queremos o Estado necessário

Em agenda de campanha no Agreste Pernambucano, Luciana Santos participou do segundo dia do VIII Congresso do Sinproja (Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Jaboatão dos Guararapes), que aconteceu no Hotel Casa Grande, em Gravatá, no Agreste. A candidata participou, na manhã da última sexta-feira (29/08), do debate “Conjuntura Nacional da Educação” numa mesa com o secretário de Assuntos Educacionais da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, Heleno Araújo.

“Nós não queremos nem o Estado mínimo, nem o máximo. Nós queremos o Estado necessário”, enfatizou Luciana no momento que contextualizou o cenário político-social brasileiro dos últimos 20 anos, quando o País saiu de uma lógica Liberal de privatizações e aumento das desigualdades sociais, para um processo de transformações sociais que impulsionaram o Estado economicamente com uma distribuição de renda mais justa. “Por isso que chamamos de Década Perdida (gestões de Collor e de Fernando Henrique Cardoso na presidência), por que nós tivemos uma agenda no Brasil com ausência completa de Políticas Públicas e com a privatização do Estado Brasileiro”, disse ela.

Para a deputada, o ciclo político iniciado por Lula e Dilma em 2003 foi um marco decisivo na luta dos trabalhadores por melhores condições de vida: “Passamos por uma inversão da lógica da distribuição de renda no País. 1% da população brasileira detinha 50% da renda nacional. Hoje nós temos um losango, por que houve uma inclusão de milhões e milhões de brasileiros que chegaram para o mercado de consumo, e isso tudo por que se privilegiou o Setor Produtivo, em contraposição à lógica financeira e rentista que pautava o desenvolvimento nacional…”.

Com o microfone aberto para a plenária, Luciana acompanhou as perguntas e opiniões dos profissionais da Educação presentes no auditório e, incentivada por falas progressistas, pontuou ainda questões como Terceirizações no Setor Público, Federalização da Carreira na Educação, aumento do patamar salarial da categoria, e falou sobre “não ter medo de comparar” as gestões – tema bastante recorrente em corridas eleitorais. Segundo ela, “Em qualquer que seja o campo temático, em qualquer que seja a política pública, a diferença é radical. Eles falam agora dos índices da inflação, essa é a maior piada que pode acontecer. Eles deixaram em 12%, hoje o Brasil tem uma meta abaixo de 7%. Sabe como é que se combate a inflação no Brasil hoje? Com produtividade de trabalho, competitividade. E para isso temos que ter infraestrutura e informação. Esse é o caminho pelo qual nós vamos enfrentar o custo inflacionário…”, afirmou ela.

Luciana também comentou o monopólio dos meios de comunicação, e os direcionamentos midiáticos sobre temas importantes para a população. “A GloboNews colocou 40 horas da cobertura do julgamento do mensalão, e não colocaram 2 minutos para tratar do Plano Nacional de Educação que foi uma vitória estruturante do povo brasileiro. E essa desigualdade é que vamos ter que enfrentar nesse debate de 2014”. A relação entre Donos da Mídia, grupos econômicos dominantes e financiamento de campanha eleitoral foi o assunto que finalizou a participação de Luciana no evento.

Agenda

Do congresso em Gravatá, Luciana se encontrou com o candidato a governador de Pernambuco pelo PSB, Paulo Câmara, na cidade de Belo Jardim para um almoço com outros candidatos da Frente Popular. De lá seguiram para Sanharó onde realizaram uma caminhada com militantes e apoiadores. Após caminhada, a deputada seguiu para o Sertão Pernambucano onde cumpriu agenda em Arcoverde e Pesqueira, ambas com o candidato à Assembleia Legislativa de Pernambuco Waldemar Borges.

 com informações da Assessoria.

 

SINTEPE: As atividades não param

Na quinta-feira (28), o SINTEPE esteve em reunião na Secretaria Estadual de Educação e solicitou mais uma vez agilidade na tramitação de processos relacionados à vida funcional de trabalhadores em educação. Na ocasião, a Secretaria informou que os problemas relacionados à empresa terceirizada TCI, que provocou retenção na tramitação de documentos de aposentadorias, estão sendo resolvidos. O SINTEPE está atento e vai continuar acompanhando o desenrolar dos acontecimentos.

Na reunião com a Secretaria, foi rediscutida a situação dos trabalhadores em educação lotados na Escola Antônio Ermírio de Moraes, no Distrito de Botafogo, em Itapissuma. A dificuldade, como já foi mostrada nesse espaço, é a condução para chegar ao local de trabalho. O SINTEPE entregou à Gerência de Pessoal e protocolou no Gabinete do Secretário um relatório sobre a situação enviado pela Escola. A Escola Paulo de Souza Leal, Tejipió (Totó), sob jurisdição da GRE Recife Sul, também foi assunto na Reunião do dia 28. O SINTEPE repassou para a Secretaria de Educação uma série de problemas levantados pela unidade de ensino e que prejudicam o cotidiano escolar.

Além das questões aqui relacionadas, outras demandas foram apresentadas e somadas às queixas já feitas ao próprio Secretário de Educação em outra reunião realizada no dia 21 de agosto. A próxima reunião entre o SINTEPE e o Secretário Estadual de Educação será no dia 22 de setembro. Na ocasião, vamos cobrar respostas concretas.

Outro assunto tratado pelo SINTEPE, na semana que passou, foi relativo aos Processos de devolução dos descontos indevidos nos salários dos aposentados, feitos pelo antigo IPSEP no período de novembro de 1998 até maio de 2000. A questão está sendo discutida junto à Procuradoria Geral do Estado (PGE) e os desdobramentos serão apresentados assim que sejam concluídas as discussões.

Agenda

* Inscrições abertas para o Encontro da Juventude, que será no dia 3 de setembro. Idade máxima 35 anos.

* Inscrições abertas para o debate sobre os 8 anos da Lei Maria da Penha. O que mudou? Fiquem atentos ao site do SINTEPE.

* Reunião dos/as Aposentados/as, nesta terça-feira (2), às 15h, no SINTEPE.

Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco – Sintepe

www.sintepe.org.br.  

Armando: “Diálogo permanente com o servidor público”

Recife - Estabelecer um canal permanente de diálogo com o funcionalismo público, para, com a categoria motivada e satisfeita, poder oferecer à população um serviço de qualidade em todas as áreas do Estado. Esta é a intenção do candidato ao governo de Armando Monteiro (PTB), detalhada e explicitada durante encontro com a base do Sindicato dos Servidores Públicos de Pernambuco (Sindserpe), realizada nesta quinta-feira (28), na sede da entidade, no bairro de Santo Antônio, na região central do Recife.

Acompanhado dos companheiros de chapa Paulo Rubem (vice) e João Paulo (senador), Armando ouviu do presidente do Sindserpe, Renílson Oliveira, um breve relato das mazelas que acometem os 26 mil servidores estaduais. Ainda presentes à reunião, os ex-presidentes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Pernambuco, Dílson Peixoto (que concorre a uma vaga na Câmara Federal) e Sérgio Goiana (candidato a deputado estadual pelo PT), além do atual, Carlos Veras.

Renilson entregou a Armando um documento com um diagnóstico sobre a atual situação da categoria e do serviço público em Pernambuco. “É um retrato das mazelas, gargalos e demandas. Não queremos tudo do Estado, mas sim transparência”, disse Oliveira.

Primeiro candidato a governador a visitar a sede do Sindserpe, Armando garantiu aos servidores que valoriza as instâncias de negociação entre governo e funcionários. “A minha disposição será a de fazer um diálogo respeitoso e permanente. Vou avaliar o documento e ver os pontos que poderemos acrescentar ao plano de governo”, reforçou. “Também me comprometo a mostrar os limites de forma clara e transparente”, destacou o senador licenciado.

Armando garantiu que a capacidade de diálogo com os servidores será um aspecto essencial na Secretaria de Administração. “Não precisamos de um perfil apenas técnico. O bom secretário tem que ter uma boa capacidade de diálogo, visão e posicionamento sobre o serviço”, destacou.

com informações da Assessoria.

 

 

Paulo Câmara promete dobrar o salário dos professores do Estado‏

Candidato também assumiu o compromisso de aumentar para 3 mil o número de alunos do Ganhe o Mundo

Representantes da comunidade escolar de Pernambuco se reuniram, nesta quarta-feira (27), para declarar seu apoio ao candidato da Frente Popular ao Governo Estadual, Paulo Câmara (PSB). Em discurso para mais de 5 mil pessoas, entre docentes, gestores, estudantes, familiares de alunos, servidores e funcionários da rede de ensino, o socialista assumiu o compromisso de duplicar, até 2018, o piso salarial dos professores do Estado. “Avançamos muito na Educação desde 2007, mas ainda é preciso construir muito mais. Precisamos qualificar mais e remunerar melhor os nossos professores. Nos quatro anos do meu mandato, seremos capazes de dobrar a remuneração da categoria”, garantiu.

Além do reajuste, Paulo também declarou que vai aumentar de 1,6 mil para 3 mil o número de alunos que participam anualmente do programa Ganhe o Mundo, onde os estudantes têm a oportunidade de conhecer um país estrangeiro e aprender uma nova língua. A iniciativa também amplia as vagas para que os professores de toda a rede participem de programas de mobilidade acadêmica (hoje, existem programas voltados para aqueles que exercitam o ensino de línguas). Os recursos para colocar essas propostas em prática, explicou Câmara, estarão disponíveis por conta do aumento previsto da arrecadação e do modelo inteligente de gestão, que ele ajudou a implantar no Governo Eduardo Campos.

“No pouco mais de sete anos e meio do Governo Eduardo e João Lyra Neto (PSB), nós mais que dobramos essa remuneração. Isso mostra que esse Governo sabe construir, sabe tirar as coisas do papel. Há espaços fiscais para levantarmos esses recursos porque temos hoje um Estado enxuto. Também construímos as condições para o crescimento e atração de muitos investimentos, o que já acontece, mas que será ampliado bastante nos próximos anos. Isso significa aumento da arrecadação”, explicou Paulo.

O candidato também destacou o Programa Nova Escola Integrada de Pernambuco, que cuidará da formação dos estudantes do Estado desde a primeira infância até o Ensino Superior. Ele ressaltou, entre as propostas, a universalização das escolas em ensino integral, onde serão feitas parcerias com os municípios para que cada um deles tenha pelo menos uma unidade do tipo, garantindo matrícula a todo aluno da rede que quiser uma vaga. Paulo também ressaltou a Rede de Escolas Técnicas do Estado, que terá 40 unidades a partir de 2015, com capacidade para formar até 50 mil alunos, e a criação de uma Faculdade Técnica, para a formação de professores.

“O meu ideal é o mesmo que Eduardo tinha, e que pode ser expresso em uma frase que ele falou várias vezes e que eu repito hoje para vocês: ‘só quando o filho do rico estudar na mesma escola que o filho do pobre, teremos um Brasil forte e uma sociedade mais justa’. Esse é o meu sonho. E eu vou realizá-lo em Pernambuco. Para isso, contarei com a ajuda de todos vocês”, convocou Paulo Câmara.

com informações da Assessoria.

 

 

Página 1 de 3212345102030...Última »