Arquivos da Tag: Eleições 2012

Sérgio Guerra, Presidente do PSDB, deixa UTI, mas segue em observação


Folhapress

O presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra, 65, deixou na manhã de hoje a UTI do Hospital Santa Joana, em Recife.

O deputado federal foi internado na noite de sábado e continua em observação, em um quarto do hospital.

A reportagem apurou que Guerra foi levado à unidade intensiva para estabilização, pois um rim do dirigente teria sido afetado após ele dar entrada no hospital apresentando quadro de gastroenterite.

Em nota, o PSDB disse que ele foi internado “após ser acometido de uma infecção intestinal e apresentar um quadro de desidratação”. Ainda segundo a sigla, o internamento foi recomendado por médicos para que Guerra passe, “com mais tranquilidade”, por processo de “reidratação”.

Guerra foi o principal articulador pela candidatura do tucano Daniel Coelho ao comando da capital de Pernambuco.

 

Presidente da Câmara de Vereadores de Carpina sofre tentativa de homicídio


Da Rádio Jornal Caruaru

Por volta da 1h30 da madrugada de sábado para domingo (7), o presidente da Câmara dos Vereadores de Carpina, Edilson Gomes da Silva, sofreu uma tentativa de homicídio. Seu carro foi interceptadio por dois indivíduos e depois baleado. Um dos acusados ainda não foi identificado.

Ramos Silva conversou com o Delegado Marcos Roberto, que tem detalhes do caso. Confira AQUI.

 

SINDSEP/PE: O futuro das cidades nas mãos do eleitor


Sindsep-PE

Neste domingo, dia 7 de outubro, mais de 140 milhões de brasileiros vão definir o que querem para suas cidades, ao votarem nos prefeitos que vão governá-las nos próximos quatro anos. Em Pernambuco o total de eleitores se aproxima a 6,5 milhões, sendo que quase três milhões estão na Região Metropolitana do Recife (RMR). A responsabilidade é grande. Esses novos governantes têm entre suas obrigações promover a cidadania à população, se quiserem se aproximar de uma das definições do termo cidade, que tem origem no latim e significa civismo.

E o que é cidadania? Quais das candidaturas postas têm compromisso com a cidadania, com o cuidado com a população? A cidadania passa pela consolidação dos direitos humanos e pela participação e bem-estar da sociedade. Nesse caso, o cidadão não pode ser mais tratado como massa de manobra e sim como sujeito ativo, que constrói a sua própria história. Esse é o perfil de prefeito que as cidades precisam, que trata gente como gente e que tenha responsabilidade com a máquina pública.

Ter compromisso com a cidade, com a cidadania, com os direitos humanos significa também estar dentro dos preceitos éticos, governar com lisura, voltado para uma sociedade justa e igualitária. Para isso, é preciso garantir, com qualidade, os direitos mais básicos que a população precisa e que é dever do Estado, como educação, saúde, meio ambiente, segurança, moradia, transporte, trabalho, renda, cultura, lazer. A qualidade de vida de cidadãos está atrelada a um bom prefeito.

Mas não são apenas os prefeitos que têm responsabilidade pela cidade. É papel dos vereadores fiscalizar, cobrar e propor leis que melhorem a vida da população. Por isso, domingo, o eleitor deve colocar a mão na consciência e refletir com tranquilidade antes de se dirigir à cabine de votação. Não podemos e não devemos mais eleger pessoas sem compromisso com a cidadania, com a justiça social e com os direitos humanos.

O voto, embora obrigatório, é uma conquista, vitória da democracia. É um importante instrumento de poder. O voto não tem cor, não tem gênero, nem classe social. Seja branco, negro, índio, pobre, rico, homem ou mulher, todos são iguais, têm o mesmo direito, o mesmo poder na hora de votar. E esse poder é individual, intransferível e não tem preço. Não venda seu voto nem se deixe enganar com falsas promessas.

Só serão prefeitos e vereadores aqueles que quisermos. Se forem eleitos pessoas sem compromisso, sejamos honestos e culpemos a nós mesmos. O futuro de nossa cidade depende única e exclusivamente de nós. Por isso, temos a obrigação de votar nos candidatos que, de fato, irão transformar a cidade num espaço plural, democrático, de todos e para todos, e não feudos políticos e econômicos que atendem interesses de uma minoria privilegiada.

Neste domingo, não deixe de votar, mas vote consciente, VOTE CERTO!

Sindicato dos Servidores Federais no Estado de Pernambuco – SINDSEP-PE.

www.sindsep-pe.com.br

 

Candidato a prefeito de Gravatá é abordado após denúncias de compra de votos


Do NE10

Um dos candidatos a prefeito do município de Gravatá, localizado no Agreste de Pernambuco, prestou depoimento na noite do sábado (6), no cartório eleitoral, por suspeita de crime eleitoral.

Segundo a polícia Civil, Joaquim Neto (PSDB) estava no bairro do CAIC, quando foi abordado após denúncias de suposta tentativa de compra de votos. O candidato foi ouvido no cartório e liberado em seguida, não sendo constatado nenhum crime contra ele.

Ainda segundo a polícia, o candidato não estava com nenhuma quantia ou objeto que justificasse as denúncias.

 

Mais voto de legenda na urna eletrônica


Agência Brasil

O advento das urnas eletrônicas nas eleições do Brasil, em 1998, trouxe consigo mais segurança e confiança nos resultados, mas acabou gerando um fenômeno eleitoral que tem crescido nas eleições do País: o aumento do voto de legenda. E a explicação é simples: o voto errado para vereador ainda é grande nas cidades. Apesar das campanhas de esclarecimento do TSE, parcela do eleitorado ainda desconhece a ordem de votação, que é sempre a mesma: primeiro, o voto é para vereador, depois, para prefeito.

É justamente na confusão que essa parcela dos eleitores faz diante da urna eletrônica que o voto de legenda cresceu. Ao abrir a tela da urna, o eleitor – que, pela ordem, deveria digitar o numero de um vereador – vota para prefeito, digitando um número de dois dígitos. “Muita gente vota no número do partido pensando que é o número do candidato a prefeito. A urna pergunta se ele quer confirmar o voto de legenda, e ele confirma. Aí, o voto que o eleitor achava que era para prefeito, na verdade foi dado na legenda, reforçando o cociente de vereador”, revela o secretário de Tecnologia da Informação do TRE-PE, Acácio Leite.

Isso explica o espanto e a revolta de alguns eleitores, quando saem da cabine de votação, colocando sob suspeita o processo. Ao partir para votar, pela segunda vez, que pela ordem é o voto para prefeito, ele digita o número do vereador que leva na cola. Com a orientação do mesário, ele digita o número real para prefeito, aparecendo a foto do mesmo. Encerrada a votação, acusa a urna de não conter o número de seu vereador. “Desde que a urna eletrônica foi introduzida, houve um aumento no voto de legenda, devido ao equívoco do eleitor na hora de votar, contribuindo para o cociente de voto de vereador”.

 

TRE monitora movimento na Zona da Mata


A medida é para evitar confronto entre vereadores

JC Online

Como foram registrados conflitos entre vereadores, na Zona da Mata Norte e na Zona da Mata Sul, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) resolveu acionar a Secretaria de Defesa Social (SDS) para monitorar as regiões para evitar maiores problemas durante a votação. De acordo com o presidente do TRE, Ricardo Paes Barreto, foi fechado um acordo com a Polícia Federal e os agentes vão colaborar com a SDS, mesmo estando em greve.

 

 

Severino tem alta e monitora sua sucessão


Jornal do Commercio

Depois de passar 13 dias internado para o tratamento de uma bronquite aguda, o prefeito de João Alfredo, Severino Cavalcanti (PP), deve ter alta hoje e poderá acompanhar de perto a eleição no município. No dia 12 de setembro, ele desistiu de concorrer à reeleição após o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ter impugnado sua candidatura com base na Lei da Ficha Limpa. Embora ainda coubesse recurso na instância superior, ele preferiu indicar a vice de sua chapa, Anna Mendes (PSDB), para substituí-lo.

Logo após a renúncia, Severino passou dez dias na unidade semi-intensiva do Real Hospital Português e só na quarta-feira foi transferido para o apartamento. De acordo com o filho, o deputado estadual João Maurício (PP), ele deverá seguir direto para João Alfredo. “Já foi difícil segurá-lo durante todo esse tempo por aqui”, afirmou.

Mesmo estando, oficialmente, fora da disputa, a presença de Severino na cidade é considerada decisiva por seu grupo político para derrotar a candidata adversária, Maria Sebastiana (PTB). Em junho deste ano, ele fechou uma aliança com seu rival histórico no município, o ex-prefeito Sebastião Mendes, pai da nova candidata apoiada por Severino.

Aos 81 anos, Severino elegeu-se prefeito três anos após ter renunciado o mandato de deputado federal para evitar a cassação. Como presidente da Câmara Federal, ele foi acusado, em 2005, de ter recebido propina para liberar o funcionamento de um restaurante no Congresso. O caso ficou conhecido como o “mensalinho” da Câmara e motivou sua recente impugnação.

 

2.830 candidatos podem não assumir, se eleitos


Faltando um dia para o pleito municipal, os eleitores brasileiros não sabem se 2.830 candidatos poderão assumir os cargos de prefeito ou vereador caso sejam eleitos amanhã. Devido a isso, até mesmo eleições podem ser anuladas.

Para o cientista político da Universidade de Brasília (UnB) Leonardo Barreto, a incerteza prejudica o eleitor que vai às urnas sem saber se sua escolha será válida. O número de candidaturas sub judice refere-se ao número de recursos recebidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que ainda não têm decisão definitiva, todos envolvendo pedidos de impugnação de candidatura baseados na Lei da Ficha Limpa.

Ao todo, foram recebidos pela Corte 2.985 recursos referentes a registros de candidatura para as eleições deste ano. Deste total, 678 foram julgados pelos ministros do TSE, mas ainda cabe recurso por parte dos réus, enquanto 155 já têm decisão definitiva.

Saiba mais AQUI.

 

Candidato a vereador do Cabo sofre tentativa de assassinato


Blog do Jamildo

O candidato a vereador pelo Cabo de Santo Agostinho Nilson Gabriel, do PSDB, sofreu uma tentativa de assassinato na manhã deste sábado (6). O fato foi divulgado pelo candidato à Prefeitura do município pelo mesmo partido, deputado estadual Betinho Gomes, em sua conta Twitter.

De acordo com as informações repassadas por Betinho, a situação de Nilson Gabriel é estável, apesar dos disparos de pistola 380 e das lesões físicas. Um dos suspeitos deixou cair um cartão do SUS. A polícia está investigando o caso, e o postulante tucano propõe motivação política.

“Estou muito preocupado com clima eleitoral na cidade. Não posso dizer que a tentativa de homicídio contra o candidato tem motivação política, mas não posso descartar essa possibilidade. O melhor é que a polícia reforce o contigente para as eleições”, defendeu o Betinho Gomes.

 

Até a meia noite deste domingo, todos os prefeitos do Brasil serão conhecidos


Blog Inaldo Sampaio

O TSE informou hoje (5) que graças ao moderno sistema de apuração de votos que existe no Brasil os prefeitos do 5.665 municípios deverão ser conhecidos até a meia noite daquele dia.

Até às 20h, garante, serão conhecidos os prefeitos eleitos de 90% dos municípios brasileiros.

Essa afirmação é coincidente com a que foi feita em Pernambuco pelo presidente do TRE, desembargador Ricardo Paes Barreto.

Segundo ele, antes da madrugada da segunda-feira serão conhecidos os nomes dos 184 prefeitos pernambucanos.

 

Fernando Rodovalho renuncia a candidatura à prefeitura de Jaboatão


Com traço nas pesquisas de opinião, o ex-prefeito Fernando Rodovalho (PRTB) renunciou nesta sexta-feira a candidatura à prefeitura de Jaboatão dos Guararapes.

Ele alegou que não tinha estrutura financeira para bancar os custos de uma campanha eleitoral e por isso não se mostrou um candidato competitivo para enfrentar o prefeito Elias Gomes (PSDB), que concorre à reeleição.

Rodovalho informou também que não apoiará nenhum candidato no primeiro turno, mas permanecerá no campo da oposição. No segundo, se houver, marchar com o opositor do atual prefeito.

 

Exatta aponta vitória de Carlinhos do Moinho na eleição de Carpina


Blog do Inaldo Sampaio

Pesquisa do Instituto Exatta realizada em Carpina entre os dias 1º e 2 de outubro e registrada no TRE sob o nº 245/2012 aponta o candidato da Frente Popular, Carlinhos do Moinho [foto esq.]  (PSB), liderando a corrida eleitoral com 45% das intenções de voto. O segundo colocado é o candidato Botafogo Júnior (PSDB), sobrinho do prefeito Manoel Botafogo e filho da prefeita de Lagoa do Carro, Judite Botafogo (PSDB).

Votos brancos e nulos somam 9% e indecisos 7%. A pesquisa foi realizada com 300 questionários e sua margem de erro é 5,56%, para mais ou para menos. A candidatura de Carlinhos foi articulada pelo deputado Antonio Moraes (PSDB) após romper com o prefeito na eleição de 2010.

Moraes não perdoou o prefeito por ter lançado a candidatura de Botafogo Filho (PDT) a deputado estadual naquela eleição, o que estreitou muito os seus espaços na região da Mata Norte.

A Exatta prevê também uma disputa apertada na cidade de Sertânia, onde, segundo pesquisa feita lá entre os dias 25 e 27 de setembro com 300 questionários e registrada no TRE sob o número 233/2012, a prefeita Cleide Ferreira (PSB) tinha 48% de intenções de voto, ante 44% do candidato da oposição Guga Lins (PSDB).

 

Pernambuco terá promotores eleitorais em todos os municípios


Blog do Jamildo

A Procuradoria Regional Eleitoral de Pernambuco nomeou 60 novos promotores eleitorais para intensificar a fiscalização e tornar mais eficiente a atuação do Ministério Público Eleitoral na reta final das eleições. Com a medida, todos os municípios do Estado terão um promotor eleitoral. Normalmente, um mesmo promotor eleitoral é responsável por mais de uma município. De acordo com o procurador regional eleitoral de Pernambuco, Antônio Edílio Magalhães Teixeira, o objetivo da medida é intensificar a fiscalização das eleições municipais e tornar mais eficiente a atuação do Ministério Público Eleitoral nesse período.

“Estamos especialmente atentos à compra de voto, ao uso da máquina e ao abuso de poder econômico e político”, declarou. Os novos promotores eleitorais iniciaram suas atividades no dia 24 de setembro e ficarão em exercício até o dia 8 de outubro de 2012. Os membros do Ministério Público Eleitoral vêm do Ministério público do Estado (promotores de Justiça que atuam como promotores eleitorais) e do Ministério Público Federal (um procurador regional da República que exerce a função de procurador regional eleitoral).

A Procuradoria Regional Eleitoral em Pernambuco e todas as promotorias eleitorais do Estado estarão de plantão no próximo domingo (7/10).

 

Candidatos têm último dia para divulgar campanhas pagas na imprensa e internet


A dois dias das eleições municipais, os cerca de 480 mil candidatos têm até o fim da noite desta sexta (5) para a divulgação paga, na imprensa escrita e na internet, da propaganda eleitoral. No sábado (6), véspera da votação, será o último dia para o eleitor receber a segunda via do título. O sábado também é a última oportunidade de fazer propaganda eleitoral usando alto-falantes e amplificadores de som.

As votações, no dia 7, ocorrem das 8h às 17h. No dia da votação os eleitores poderão manifestar publicamente suas preferências, usando camisas, bonés e adereços dos candidatos, mas é proibida a propaganda eleitoral por meio de grupos de pessoas e carros de som. A expectativa é que aproximadamente 140 milhões compareçam às urnas para escolher o prefeito e o vereador. Por determinação do Tribunal Superior Eleitoral, o horário de vigência da Lei Seca cabe a cada Tribunal Regional Eleitoral (TRE), segundo suas necessidades.

Em geral, os TREs optam por proibir a venda de bebidas alcoólicas a partir das 22h de sábado até as 18h de domingo. O objetivo da chamada Lei Seca é garantir equilíbrio aos eleitores durante a votação, impedir desentendimentos e acidentes envolvendo o consumo de bebidas alcoólicas.

Com informações da Agência Brasil.

 

TSE autoriza envio de tropas para mais 127 municípios


Agência Brasil

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deferiram nessa quinta-feira (4) pedidos de envio de tropas federais para garantir a segurança das eleições em mais 127 municípios. Desses, 82 são do Piauí, onde o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) havia pedido o auxílio de homens do Exército e da Marinha para 143 cidades.

Diante de ofício enviado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), reiterando a necessidade de garantir a segurança especialmente nessas 82 localidades, os ministros decidiram pelo envio das tropas.

Também foram autorizadas tropas para municípios do Rio Grande do Norte, Pará, de Alagoas, Sergipe, da Paraíba, do Maranhão e Amazonas. Com eles, chegam a 394 os municípios brasileiros que receberão o auxílio das forças federais para garantir a ordem e a paz durante o pleito de domingo (7).

Em apenas dois casos foi autorizado o envio das tropas antes do dia das eleições: no Rio de Janeiro e em Tocantinópolis (TO). Nos dois casos foi considerado o aumento da tensão e da violência nos dias que antecedem a eleição.

Em todos os casos aprovados, os ministros consideraram a opinião dos governadores. Na última sessão administrativa, eles chegaram a aprovar o envio de tropas para alguns municípios onde os governadores garantiam que eram capazes de manter a ordem. Nessa decisão, no entanto, os ministros procuraram seguir a jurisprudência comum no Tribunal e autorizaram a presença de militares apenas onde houve a anuência dos governadores.

 

Página 8 de 60« Primeira...678910...203040...Última »