• Ceclin
out 08, 2018 0 Comentário


Paulo Câmara, Jarbas e Humberto lideraram as urnas em Vitória de Santo Antão

Paulo Câmara, Jarbas e Humberto lideraram as urnas em Vitória de Santo Antão

por Lissandro Nascimento

Paulo Câmara, do PSB, foi reeleito neste domingo (07/10) governador de Pernambuco para os próximos quatro anos. Com 50,70% (1.918.219) dos votos válidos, contra 35,99% (1.361.588) votos de Armando Monteiro (PTB). A reeleição de Câmara leva o PSB ao quarto mandato à frente do governo de Pernambuco, junto com as duas gestões do ex-governador Eduardo Campos, eleito em 2006 e reeleito em 2010. Alçada a condição de vice-governadora, Luciana Santos (PCdoB), assume em janeiro próximo junto com Paulo a chefia do Poder Executivo do Estado.

Paulo Henrique Saraiva Câmara, 46 anos, obteve em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, precisamente 52,12% (28.104) votos. Em segundo lugar, Armando Monteiro somou 37,94% (20.459) votos. Os demais candidatos a exemplo de Dani Portela (PSOL) obteve o terceiro lugar em Vitória com 3,52% (1.896) votos, enquanto Júlio Lóssio (REDE) teve 3,28 % (1.769),  já Maurício Rands (PROS) somou com 2,98% (1.607), e por último Simone Fontana (PSTU) com 91 votos (0,17%). Os votos Brancos para Governador em Vitória somaram precisamente 5.854 votos (7,23%), enquanto os Nulos 21.238 (26,21%), totalizando 53.926 (66,56%) votos válidos.

O resultado da votação para governo de Pernambuco em Vitória de Santo Antão, pelo qual consolidou Paulo Câmara no Município, é reflexo de que grande parte das forças políticas partidárias na cidade apoia o socialista. Dos oito candidatos a deputado estadual da Terra das Tabocas, seis estavam fechados com Câmara. Vizinha a Vitória, a cidade de Pombos registrou 60,73% dos votos para Paulo Câmara com 5.965 votos, contra os de Armando que obteve 31,31% (3.075).

Paulo Câmara afirmou ontem que vai pedir voto e se empenhar para eleger o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad. O socialista afirmou ainda que vai cumprir a promessa do 13º do Bolsa Família e trabalhar para gerar mais empregos no Estado. Câmara disse que concorda com a agenda do candidato a presidente pelo PT, que todas as segundas-feiras visita o ex-presidente Lula. “Fernando Haddad colocou isso de maneira muito clara. Ele é advogado de Lula e o ex-presidente Lula é uma pessoa que ele ouve”, completou. Indagado se vai fazer campanha para Haddad, Paulo Câmara disse que sim. “Ele é o nosso candidato. Vamos trabalhar muito neste segundo turno para que ele seja eleito. Vamos pedir voto para ele, falando a verdade, mostrando os desafios de governar para Pernambuco”, disse. Em Pernambuco, Haddad ficou com 48,87% dos votos.

Jarbas e Humberto

SENADOR - Em Vitória de Santo Antão, o primeiro lugar para uma das vagas ao Senado ficou com Jarbas Vasconcelos (MDB) que obteve 29,49% (27.588) votos, seguido por Humberto Costa, senador reeleito pelo PT, o qual somou 25,77% (24.111) no Município. Os demais ficaram assim: Mendonça Filho (DEM) teve 18,43% (17.246) votos, Bruno Araújo (PSDB) com 12,27% (11.478), Silvio Costa (Avante) com 5,08% (4.756), Pastor Jairinho (REDE) com 3,77% (3.526), Albanise (PSOL) 1.518 votos (1,62%), Eugênia (PSOL) com 1,49% (1.393), Adriana Rocha (REDE) com 1,45% (1.356), Lídia Brunes (PROS) com 0,41% (387), e Hélio Cabral (PSTU) com 207 votos (0,22%).

A Frente Popular de Pernambuco conseguiu eleger os dois candidatos ao Senado Federal da chapa majoritária encabeçada pelo governador Paulo Câmara (PSB). Adversários políticos históricos, o senador Humberto Costa (PT) e o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB) conseguiram ser eleitos com 25,76% (1.713.565) e 21,51% (1.430.802) votos, respectivamente, quando ambos representarão Pernambuco por oito anos no Senado da República.

 LEIA TAMBÉM:

Vitória de Santo Antão se divide entre Haddad e Bolsonaro 

-  Paulo Roberto, João Campos, Dr. Saulo e Henrique se destacaram nas urnas da Vitória de Santo Antão

-  Urnas da Vitória de Santo Antão ajudam eleger três deputados estaduais