• Ceclin
jan 11, 2018 0 Comentário


Jovem é morto ao levar irmã grávida ao posto de saúde em Limoeiro

O rapaz foi atingido por disparos na cabeça, nas costas e na nuca Foto: Google Street View

O rapaz foi atingido por disparos na cabeça, nas costas e na nuca. Foto: Google Street View

Um jovem levava sua irmã grávida em sua moto a um posto de saúde na manhã dessa quarta-feira (10/01) quando foi alvejado por tiros na Vila Mendes, em Limoeiro, Agreste de Pernambuco.

De acordo com a delegada do município, Maria Betânia, José Manoel Gomes da Silva, de 23 anos, foi atingido na cabeça, nas costas e na nuca por disparos efetuados por dois suspeitos que estavam a pé. A irmã do rapaz não ficou ferida. Ainda de acordo com a delegada, a Polícia já tem uma linha de investigação sobre autoria do crime.

Segundo a família, o José Manoel estava ameaçado de morte e mal saia de casa. A vítima não tinha passagem pela Polícia.

marceneiroSuspeito de matar marceneiro 

O suspeito de matar um marceneiro em Olinda no dia 4 de janeiro, foi preso em Limoeiro, no Agreste do Estado. O crime, em Jardim Brasil II, foi cometido com uma barra de ferro.

De acordo com a Polícia Civil, Pedro Lopes da Silva, 41 anos, foi localizado na Vila Mendes, após policiais receberem uma denúncia indicando que um homem que teria cometido um homicídio em Olinda, estaria na localidade. Ele reagiu a prisão e tentou agredir os oficiais. A ação aconteceu na terça-feira (09).

Na delegacia de Limoeiro foi constatado que Pedro Lopes já havia cometido um homicídio em 1998. Ele foi alvo de um mandato de prisão e levado para o Centro de Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife. O crime contra o marceneiro foi motivado pelo sumiço de uma lata de cola. José Felipe Barbosa, 74 anos, foi morto com golpes de barra de ferro numa casa na Avenida Antônio da Costa Azevedo, em Jardim Brasil II.

com informaçoes do Jornal do Commercio