• Ceclin
jun 15, 2018 0 Comentário


Homicídios e tentativa são registrados em Gravatá

EMBOSCADA

Baleado na Rua Morada Nova, em Chã Grande, na tarde da quinta-feira (14/6), André Queiroz de Oliveira, 39 anos, foi socorrido no Hospital Doutor Paulo da Veiga Pessoa (HDPVP), em Gravatá, onde mora, após sofrer o atentado em Chã.

Segundo a PM, a vítima teria sido chamada para o local onde foi abordada por dois rapazes. O suspeito de ter cometido o crime teria sido Everson Antônio da Silva, 18 anos, que foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia da Vitória de Santo Antão.

HOMICÍDIO 

David Felipe da Hora, de 24 anos

Na noite da quinta-feira (14) em Gravatá, David Felipe da Hora, de 24 anos (foto), foi executado a tiros na Rua Padre Herculano de Brito, Bairro Novo.

Depois de identificado, o corpo do ex-presidiário seguiu ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru. Até o momento, a motivação e autoria do crime são desconhecidas.

ADOLESCENTE 

Antes deste ultimo homicídio em Gravatá, teve um caso de crime fatal na ultima sexta-feira (08/6), quando um adolescente de 16 anos foi assassinado na Rua Jornalista Luiz do Nascimento, no Bairro Novo.

A vítima, segundo o padrasto, era usuário de drogas. A Polícia foi informada que foram dois homens armados com uma espingarda. Um dos autores já foi identificado.