• Ceclin
out 18, 2018 0 Comentário


Em Gravatá, jovem é assassinado com tiros nas costas

Delegacia de Gravatá PE

Durante a madrugada desta quinta-feira (18/10), um jovem foi alvejado com disparos de arma de fogo na Avenida Cícero Batista de Oliveira, em Gravatá, no Agreste de Pernambuco. Pedro Manoel da Silva, de 21 anos, foi atingido nas costas. De acordo com a Polícia militar, a vítima foi socorrida por familiares para o Hospital Dr. Paulo da Veiga Pessoa, porém chegou sem vida.

Segundo familiares, o jovem detinha algumas rixas na localidade onde residia por ser usuário de drogas. O mesmo estaria indo buscar sua sobrinha no trabalho quando sofreu a investida criminosa. O corpo seguiu para o IML de Caruaru. O caso foi registrado na Delegacia da Vitória de Santo Antão, contudo, segue sob investigação da 62ª Circunscrição de Gravatá, sob a equipe do Delegado Álvaro Grako. (com informações do Plantao365)

José Marcos da Silva LimaMandado de Prisão

Agentes da 62ª DEPOL prenderam na quinta-feira (18) em Gravatá, um homem suspeito de cometer homicídio e condenado pelo Poder Judiciário. José Marcos da Silva Lima, conhecido como “Bau” foi condenado pelo Tribunal de Júri da Comarca do Recife e estava residindo em Gravatá a cerca de três anos.

Após a equipe de investigação localizar e identificar o suspeito, José Marcos foi encaminhado para o Centro de Triagem e Observação Professor Everardo Luna – COTEL, em Abreu e Lima (RMR), onde está à disposição da Justiça.

Adeilson Manoel da SilvaAcusado de Estupro

Foi preso na quinta-feira (18), o principal suspeito de ter cometido um crime de estupro em Gravatá. Adeilson Manoel da Silva, popularmente conhecido na cidade como “Isaura”, foi identificado por filmagens ser o autor do crime que chocou a cidade. Na casa do envolvido,  a Polícia encontrou a calça e o boné utilizados no ato criminoso, além do fato da vítima ter reconhecido o corpo, a voz e o caminhar do criminoso.

Decretada sua prisão preventiva, ele foi qualificado em flagrante e encaminhado para o Presídio de Vitória de Santo Antão, onde aguardará a conclusão das investigações e audiências do Poder Judiciário. Adeilson estava escondido por trás de uma árvore quando a mulher passa no local e ele sai do esconderijo e a aborda. Ambos entram em luta corporal e puxa a mulher junto ao muro, contudo, ela consegue se livrar do suspeito e fugir.