• Mata Sul
  • Ceclin
abr 29, 2017 0 Comentário


Em dois dias, 03 homicídios em Vitória de Santo Antão

21 BPM

Givaldo 17 anosRetomando a onda de assassinatos em Vitória de Santo Antão, se registrou no início da noite da sexta-feira (28), a morte de um adolescente de 17 anos que foi vítima de diversos disparos de revólver. Givaldo José Gonçalves (foto menor) foi assassinado em via pública do Bairro Conceição II (Iraque 2), perímetro urbano de Vitória. Segundo a Polícia ele teria envolvimento com o tráfico de drogas. Peritos do Instituto de Criminalística (IC) periciaram o local do crime e o corpo foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), ainda na noite de ontem.

Logo adiante, na madrugada deste sábado (29), a comunidade do Bairro de Água Branca foi surpreendida com o assassinato de um homem gay que se travestia como mulher. Trata-se de Wellington Jorge Oliveira da Silva, de 28 anos, conhecido popularmente por “Mona”, morto na Avenida José Celestino, segundo a Polícia Militar, por disparos de uma pistola calibre 38.  Este é o segundo assassinato que vitimiza uma mulher transgênero em Vitória em um intervalo de cerca de um mês. O outro caso aconteceu no Loteamento Luiz Gonzaga, área urbana do Município, na madrugada de 26 de março. A vítima de 40 anos de idade, identificada como Wilka, foi esfaqueada três vezes, os golpes atingiram seu pescoço, costas e abdômen. REVEJA AQUI.

Ainda neste sábado, precisamente no período da tarde, o terceiro homicídio em menos de 24h, ocorreu nas proximidades da antiga linha férrea situada entre as comunidades do Alto da Balança e Maranhão. Eduardo dos Santos Borges, 23, conhecido como “Caroço”, foi alvejado na cabeça com vários disparos de arma de fogo, segundo a PM, desferidos por pistola .40.

A 17ª Delegacia de Homicídios, sediada em Vitória, instaurou os inquéritos relativos a estes crimes.

INTERVALO - Com estes três homicídios recentemente registrados, praticamente houve em Vitória um intervalo de 17 dias sem homicídios desde que o último crime violento letal intencional fora registrado, pelo qual um trabalhador acabou assassinado com dezessete facadas no Centro de Vitória (Relembre AQUI). Nesse meio tempo houve um operário baleado durante um assalto na rodovia PE-50 (AQUI).

Eduardo dos Santos Borges, 23, conhecido como “Caroço”, foi alvejado na cabeça

Eduardo dos Santos Borges, conhecido como “Caroço”, foi alvejado na cabeça.