• Ceclin
jan 07, 2019 0 Comentário


Assembleia de Deus terá de reparar publicação discriminatória e ofensas contra muçulmanos

Discriminação-religiosaA Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Pernambuco se comprometeu a publicar, na edição de fevereiro de 2019, do jornal ADNews, o artigo de opinião intitulado “O Islam no Brasil”, redigido pelo Centro Cultural Islâmico Imam Sadeq.

A publicação visa reparar danos coletivos em razão de artigo de opinião discriminatório contra muçulmanos, de autoria do presidente da Assembleia e Deus em Pernambuco, presbítero Joarib Santos, veiculado na edição nº 63, de junho de 2017, do ADNews, jornal oficial da igreja.

O acordo foi firmado pela Assembleia de Deus com o Centro Cultural Islâmico Imam Sadeq, através de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público de Pernambuco (MPPE), que investigava, por meio de inquérito civil, instaurado pelo 7º promotor de Justiça de Defesa da Cidadania da Capital, Westei Conde, a denúncia de prática de intolerância religiosa, preconceito e discriminação contra o Islã e os seguidores da religião de Maomé, por parte do presbítero Joarib Santos.

Os espaços destinados à capa e ao artigo do jornal, assim como a tiragem (10 mil exemplares) e o período de circulação da publicação, serão idênticos aos da edição nº 63, de junho de 2017, quando foi veiculado o texto de teor preconceituoso.

Fonte: MPPE